CENTRAL DE ATENDIMENTO:
(11) 2065-7875
digel@digel.com.br
Home > Conteúdos Técnicos > Artigos > Grau de proteção IP - PROTEÇÃO CONTRA PARTÍCULAS SÓLIDAS E LÍQUIDAS

Grau de proteção IP - PROTEÇÃO CONTRA PARTÍCULAS SÓLIDAS E LÍQUIDAS

 

Abaixo apresentamos duas classificações de proteções referentes a equipamentos para uso em ambiente indutrial, grau de proteção IP e resistência a corrosão.

Essas classificações seguem padrões internacionais e abrangem uma boa gama de riscos referentes a partículas muito comuns em ambientes agressivos e perigosos.

 

Grau de proteção IP

O código que define o grau de protação IP é composto por 2 dígitos.
O primeiro se refere às partículas sólidas e o segundo ao meio líquido.

Primeiro dígito:

Não protegido

Proteção contra objetos sólidos com 50 mm de diâmetro ou mais
A sonda de acesso, uma esfera de 50 mm de diâmetro, não deve penetrar totalmente no invólucro.

Proteção contra objetos sólidos com12,5 de diâmetro ou mais
A sonda de acesso, uma esfera de 12,5 mm de diâmetro, não deve penetrar totalmente no invólucro.

Proteção contra objetos sólidos com 2,5 mm de diâmetro ou mais
A sonda de acesso, uma esfera de 2,5 mm de diâmetro, não deve penetrar no invólucro.

Proteção contra objetos sólidos com1,0 mm de diâmetro ou mais
A sonda de acesso, uma esfera de 1 mm de diâmetro, não deve penetrar no invólucro.

Proteçao contra poeira 
A entrada da poeira não é completamente vedada, mas a quantidade de poeira que entra não pode interferir na segurança ou na operação satisfatória do equipamento.

À prova de poeira
Vedado contra a entrada de poeira

Segundo dígito:

Não protegido

Protegido contra gotas que caiam na vertical
Gotas que caiam na vertical não causam danos.

Protegido contra gotas que caiam na vertical com corpo inclinado a até 15°
Gotas que caiam na vertical não causam danos se o corpo estiver inclinado a até 15° em relação a qualquer plano vertical.

Protegido contra borrifo de água 
Água borrifada em um ângulo de até 60° em qualquer das faces verticais não causa danos.

Protegido contra jorro de água 
Água jorrada de qualquer direção contra o corpo do equipamento não causa danos.

Protegido contra jatos de água
Água projetada em jatos de qualquer direção contra o corpo do equipamento não causa danos.

Protegido contra jatos potentes de 
Água projetada em jatos potentes de qualquer direção contra o corpo do equipamento não causa danos.

Protegido contra imersão temporária em água
A água não penetra em quantidades que causem danos quando o corpo do equipamento é imerso temporariamente em água em condições padronizadas de pressão e tempo.

Protegido contra a imersão contínua em água
A água não penetra em quantidades que causem danos quando o corpo do equipamento é imerso continuamente em água em condições acordadas entre o fabricante e o usuário. Essas condições, no entanto, devem ser mais severas do que as do grau de proteção IP dígito 7.

9K Protegido contra água proveniente de jatos de vapor e alta pressão utilizados em limpeza
Água dirigida ao corpo do equipamento de qualquer ângulo sob alta pressão não causa danos.


Opções possíveis:

IP 00, IP 10, IP 20, IP 30, IP 40
IP 01, IP 11, IP 21, IP 31, IP 41
IP 02, IP 12, IP 22, IP 32, IP 42
IP 13, IP 23, IP 33, IP 43
IP 34, IP 44, IP 54
IP 45, IP 55, IP 65
IP 46, IP 56, IP 66
IP 67
IP 68.

 

Classes de resistência à corrosão

CRC0
Muito pouca ou nenhuma proteção

Componentes sem exposição à corrosão.

Para pequenas peças padrão que não são visíveis (p.ex. prisioneiro).

CRC1
Pouca proteção

Componentes com pouca exposição à corrosão

Proteção contra danos ocorridos no transporte e armazenamento.
Peças sem caráter decorativo na superfície, p.ex. em áreas internas ou cobertas .

CRC2
Proteção moderada

Componentes com moderada exposição à corrosão

Peças externas com caráter decorativo na superfície.
Contato direto com o ambiente ou meios industriais usuais como substâncias usadas na refrigeração ou lubrificação.

CRC3
Grande proteção

Componentes com grande exposição à corrosão

Peças externas visíveis com caráter funcional na superfície.
Contato direto com o ambiente ou meios industriais usuais, como substâncias usadas na refrigeração ou lubrificação.

CRC4
Alto grau de proteção

Componentes em constante exposição à corrosão

Peças utilizadas em áreas com meios agressivos, como na indústria alimentícia ou química.
Exposição externa sob condições severas de corrosão.

Se necessário, essas aplicações devem ser protegidas através de testes especiais com os respectivos meios.

 

CONTEÚDOS TÉCNICOS

ARTIGOS

VÍDEOS
Rua Mariz e Barros, 34 – Ipiranga – São Paulo/SP – CEP: 01545-010 - (11) 2065-7875
© 2016 Digel. Todos os direitos reservados.